Paths of Sounds

03.12.2018

O Património Arquivístico-Musical Brasileiro Colonial e Imperial

24.11.2018

Músicas Urbanas

23.11.2018

Quatro Movimentos das Músicas Urbanas do Século XX

18.11.2018

Encenar os Clássicos

15.11.2018

Teologia da Carne

07.11.2018

D. João de Molière

07.11.2018

Shakuhachi, Zen Bamboo Flute of Japan

27.10.2018

Uma Botânica da Morte

23.10.2018

“This rough magic / I here abjure”

22.10.2018

Teoria dos Objetos Fugidios

11.10.2018

Marxismo e Cristianismo, Luta de Classes e Fraternidade Humana

12.07.2018

Começa com uma citação bíblica e é sobre a luta de classes, a partir de um ensaio do frade dominicano Herbert McCabe. Eis o vídeo da minha intervenção no III Congresso Internacional “Marx em Maio”. Os registos das outras apresentações estão disponíveis aqui.

Sala de Exposição, Peça de Representação /
A Construção Narrativa Documental a Partir do Corpo Político na Performance

14.06.2018

Seminário Permanente CEIS20:
Produção e Curadoria nas Artes

05.06.2018

Five Reasons Why Judgment of Art Is Difficult +

01.06.2018

Dia Aberto | Mestrados do DHEEAA

26.05.2018

A Presença do Futuro

18.04.2018

O III Congresso Internacional “Marx em Maio”, organizado pelo Grupo de Estudos Marxistas, vai decorrer de 3 a 5 de Maio na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. O evento pretende celebrar os 200 anos do nascimento de Karl Marx. Integrei a Comissão Científica do encontro e participarei nele, com entusiasmo, logo no primeiro dia num painel sobre arte e religião. A minha comunicação tem o título “A Presença do Futuro: Marxismo e Cristianismo, Luta de Classes e Fraternidade Humana no Pensamento do Dominicano Herbert McCabe”. Eis o resumo:

O influente ensaio “A Luta de Classes e o Amor Cristão” (“The Class Struggle and Christian Love”) foi publicado em 1980. Escrito pelo frade dominicano Herbert McCabe, trata-se de um texto que se inscreve não apenas no campo da teologia política, mas também no âmbito da história das ideias. Tal como outros pensadores, McCabe, um socialista e revolucionário convicto descrito como “católico marxista”, dialogava com o marxismo a partir do cristianismo focando-se num aspecto central: a luta de classes. McCabe argumenta que o imperativo bíblico de fazer justiça, praticar o amor ao próximo e dar testemunho dos valores do Reino obriga os cristãos a juntarem-se aos marxistas na oposição ao capitalismo e na luta pela sua superação. Se o capitalismo tem como base o antagonismo humano, McCabe lembra que o cristianismo anuncia a possibilidade da fraternidade humana. O pensamento desenvolvido neste e noutros textos filosóficos e teológicos de McCabe é ainda hoje muito perspicaz em virtude da forma metódica e rigorosa que adopta. Procurarei cruzá-lo com as reflexões de outros pensadores. Muitos destes contributos para uma conversa produtiva e convergente entre o marxismo e o cristianismo permanecem desconhecidos em Portugal. Portanto, um dos propósitos desta comunicação é também divulgá-los, estudá-los, e continuar um trabalho intelectual que contou com a participação decisiva de McCabe.

João Tabarra

20.03.2018

Conversations 5

27.02.2018

Conversations: The Journal of Cavellian Studies 5 is out. This issue concentrates on the connections between Stanley Cavell, aesthetics and politics. The contents may be downloaded here:

“The Aesthetics of Politics and the Politics of Aesthetics In and After Cavell: Editorial Comment”, Sérgio Dias Branco and Amir Khan

“Stanley Cavell and the Questioning of the Foregone: Openness to Conversion as a Political Act”, Jeff Frank (St. Lawrence University)

“Something Must Be Shown: Consent, Conversation, and the End of Reasons”, Derek Gottlieb (University of Northern Colorado)

“Seeing Selves and Imagining Others: Aesthetic Interpretation and the Claim to Community in Cavell”, Jon Najarian (Boston University)

“Friend as Enemy: Notes on Cavell and Socialism (Via Makavejev)”, Rastislav Dinić (University of Niš)

“The Malick Viewed: Is there any Cinematic Heir to Cavell’s Philosophical Thinking Today?”, Babak Geranfar

“Reading Silence [excerpt from ‘Skepticism and Redemption: The Political Enactments of Stanley Cavell’]”, Larry Jackson (The New School)

“End Times According to Stanley Cavell [a review essay of Larry Jackson’s ‘Skepticism and Redemption: The Political Enactments of Stanley Cavell’]”, Amir Khan (LNU-MSU College of International Business)

“Sore Feet in the City of Light”, “Cartesian Auto Body”, “Hamlet 3”, Lawrence Rhu (University of South Carolina)

“‘This Most Human Predicament’: Cavell on Language, Intention, and Desire in Shakespeare”, Richard Eldridge (Swarthmore College)

______________________

Conversations: 1 · 2 · 3 · 4

O Curso do Silêncio

27.02.2018

Contemporary Art in Russia

14.02.2018